quinta-feira, 18 de junho de 2015

Ela dorme...

Ela dorme. Ela mama. Ela dorme. Ela grita porque não fala. Quer atenção. Não quer estar sozinha. E lá vou eu, ou ele, ou ela. A correr. 
A nossa pequena Sara é uma bebé maravilhosa que cresce a olhos vistos. Está quase sempre bem disposta e sorri muito exibindo umas gengivas rosadas que me derretem completamente. Abre os olhos, estica a mão e estamos sobre o seu domínio. É feita de pregas esta minha filha. De pregas e um cheiro maravilhoso. Doce. Insinuante. 
Eu estou doente novamente, depois de umas dolorosas mastites nada como uma bela pneumonia para dar conta do recado. Digo a mim própria que deve ser da idade. Quase 35. Quase 35. Quase 35. Nem acredito, quase 35. E a mãe sou eu. A mãe de duas pequenas. 
A melhor das realidades é esta, aquela que eu construo todos os dias com elas. Sentadas no sofá a ver Alice no País das Maravilhas, a dar banho a pés pequeninos, enroscadas na cama a dar de mamar nas tardes de calor, a lavar as cerejas enquanto encharca a roupa e o tapete, a fazer bolas de sabão no jardim... pequenos momentos que me fazem feliz. Porque como diz a Cris "os dias são longos, mas os anos são curtos". Já li este texto umas 3 vezes. Quando me senti cansada, quando me senti desanimada e quando me senti frustada. Porque ser mãe (sem mais acrescentos aqui) também é feito desses sentimentos, dessas realidades. Menos bons, igualmente válidos.

11 comentários:

  1. I don't understand a word but those little toes look so cute ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. ah ah ah Krista <3 they are... big kiss my dear!

      Eliminar
  2. Como te compreendo... Mas tudo vale a pena. Já tinha saudades da tua escrita. Bjs

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu sei que compreendes ;-) obrigada minha querida Ana! beijocas

      Eliminar
  3. Lindo <3
    Obrigada pela partilha, Patrícia - o texto é delicioso e tão verdadeiro. "Os dias são longos, mas os anos são curtos" - hoje foi um desses dias por aqui, mas ainda assim deitei os 3 com beijos e muito mimo. O cansaço fica para depois ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. "O cansaço fica para depois" também muito bonito Ana <3 obrigada eu por me leres e partilhares comigo as tuas palavras. uma beijoca muito grande

      Eliminar
  4. Ser mãe e algo muito complexo, mas sem dúvida muito bom (com tudo o que há pelo meio ;-) ). Texto lindo Patrícia!! Ainda ontem estive a olhar para fotos das minhas filhas há dois anos e há um ano e a diferença que fazem!! O que cresceram, em todos os sentidos!
    Acho giro ires registando assim estes momentos, tão bons :-)
    As melhoras.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada Maria. De uns anos para os outros a diferença é assustadora, eu vejo pela minha que parece ter crescido num abrir e fechar de olhos. :-)

      Eliminar
  5. Por aqui também te compreendo. fui ler o link que partilhas, tão bonito. Eu ando nostalgica, o aniversário dos meus está a chegar, o primeiro para ele, mais um para ela, está tão crescida e numa fase tão difícil... enfim... beijinhos e melhoras querida!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada minha querida <3 As fases passam, tanto as boas como as más... um beijooo enorme e muito especial para ti.

      Eliminar
  6. Linda! Todos os dias são os melhores passados contigo dessa forma :)

    ResponderEliminar

Escrevam-me de volta. Gosto de saber que não estou a "falar" sozinha.... :-)